Portal ENSP - Escola Nacional de Saúde Pública Sergio AroucaPortal FIOCRUZ - Fundação Oswaldo Cruz
-A A +A

(21) 2598-2681 / 2598-2682

CONTE-NOS:

COMO ESTÁ SEU TRABALHO DURANTE A PANDEMIA DE COVID-19?

 

Saúde não se delega, saúde se defende”, em especial a da trabalhadora e trabalhador em tempos de pandemia.

Pensando nisso, o Centro de Estudos da Saúde do Trabalhador e Ecologia Humana (Cesteh) da Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca (Ensp/Fiocruz) dará destaque as narrativas de trabalhadoras e trabalhadores, estimulando as diversas formas de expressão (audiovisual, sonora, escrita, entre outras), sobre suas condições de trabalho, saúde e as estratégias para enfrentamento da pandemia de Covid-19.

Se você for: profissional de saúde, professor(a), petroleiro(a), motorista/entregador(a) de aplicativos, trabalhador(a) rural ou agente de combate às endemias, neste espaço poderá dar visibilidade à sua narrativa!

O material produzido deverá ser enviado para o e-mail: narrativas.cesteh@gmail.com

Para fazer este envio, antes você deverá assinar a ‘Autorização para Publicação’ de uso de imagem e voz, preenchendo o documento on-line através do link: https://forms.gle/TVik8S54e17mZ1ev9

Sua narrativa pode ser expressa de qualquer forma!

Se for por escrito, mande seu texto, relato, depoimento, poesia, ensaio, em Word ou PDF, com até duas (2) páginas. Se for por vídeo ou áudio, o material deverá ter duração máxima de 1 minuto, e abaixo estão as instruções detalhadas de como fazê-los.

Se você optar por anonimato no material enviado, ele será divulgado de forma a NÃO possibilitar a identificação de sua voz e imagem. Para tanto, no e-mail contendo o material enviado, informe a necessidade do anonimato.

 

INSTRUÇÕES PARA ENVIO DE VÍDEOS E ÁUDIOS

Sua participação é fundamental para conhecermos o seu dia a dia como trabalhador e trabalhadora no enfrentamento à pandemia de Covid-19, valorizando o seu olhar e sua voz.

Antes de começar a filmar, se for o caso, gostaríamos de dar algumas dicas para você gravar imagens e som com maior qualidade:

  • Caso você não queira aparecer ou mostrar sua imagem (opção do anonimato), filme uma paisagem característica do seu trabalho enquanto grava seu depoimento, ou com uma imagem ao fundo. Caso queira que sua voz também não seja identificada, solicite no contato por email, quando enviar o material;
  • Diga seu nome e com o que trabalha. Em caso de anonimato, estas informações não serão divulgadas. Não podem ser citados nomes de outras pessoas nas narrativas;
  • Você pode mandar seu vídeo com a câmera do celular na posição em pé (vertical) ou deitada (horizontal), pois o conteúdo será veiculado na internet;
  • Procure fazer o vídeo no local mais silencioso possível, assim vamos ouvir bem o que você tem a dizer;
  • Se não puder deixar o celular fixo ou estabilizado, use as duas mãos para segurar o aparelho, pois isso dá mais estabilidade à imagem. A melhor opção é sempre mantê-lo firme, apoiado em algum lugar;
  • Não use o zoom do celular, pois ele diminui a qualidade da imagem. Caso queira mostrar algo de perto, é melhor se aproximar com o aparelho.
  • Quanto mais iluminado, melhor! A luz natural do sol costuma ser muito boa para gravações. Busque gravar em lugares iluminados por ela, e procure sempre ficar de frente para a luz. Caso grave com luz artificial, como no interior de um hospital ou em alguma sala, o importante é garantir que seu rosto fique bem iluminado e sem sombras, no caso de não desejar o anonimato.
  • Limpe a câmera do seu celular antes de iniciar a filmagem, pois a sujeira que se acumula nas lentes pode prejudicar muito a qualidade do seu vídeo.

 

Atenção ao som (para vídeos e áudios)

  • Em locais fechados, feche portas e janelas, desligue a TV, rádio, ou qualquer coisa que possa produzir ruídos;
  • Ambientes fechados e silenciosos são ideais para gravar relatos;
  • Quando tiver que gravar em ambientes abertos, tente ficar com o aparelho mais próximo a você para evitar ruídos do ambiente como vento;
  • Certifique-se de não cobrir o microfone do celular com a mão. Caso tenha fones de ouvido com microfone, você pode plugar e usar o microfone para falar, pois o som ficará melhor.

 

Melhore a imagem

  • Ao gravar vídeos com o celular, certifique-se de que está usando a melhor câmera de seu aparelho, na maior definição possível;
  • Priorize usar a câmera traseira do seu aparelho, pois ela grava imagens de maior qualidade;
  • Evite que a gravação seja feita entre 12 e 15 hs, pois neste horário a intensidade da luz natural é tão forte que pode prejudicar a imagem;

 

O mais importante é aquilo que você tem para nos contar. Por isso, no calor do momento, vale mais seu relato e o que puder mostrar do que qualquer preocupação técnica.

Siga seu coração, não se preocupe com regras quando sentir que é hora de gravar!

 

OBSERVAÇÕES IMPORTANTES

  • Se você estiver tratando de uma denúncia ou conteúdo delicado, pode ultrapassar o limite de 1 minuto, mas evite vídeos muito longos. No caso de opção por anonimato, fique tranquilo(a), pois nossa equipe está preparada para alterar sua voz e cobrir seu rosto, se necessário.
  • Sinta-se seguro(a) em denunciar abusos, condutas erradas e outras irregularidades, mas cuidado para não ofender nem acusar ninguém sem provas. E lembre-se, verifique antes de divulgar qualquer informação, pois as informações falsas (fakenews) são muito perigosas.
  • Por fim, não esqueça de preencher a autorização de publicação, para que possamos usar o material enviado por você.

 

Envie seu material para o email: narrativas.cesteh@gmail.com

Aguardamos sua participação!

 

Scroll to Top